sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Algumas anotações sobre o júri 2010

video
O júri do Edital Catarinense de Cinema/Prêmio Cinemateca Catarinense/FCC foi formado pela montadora Virgínia Flores, a produtora Clélia Bessa, e os diretores Betse de Paula, Ari Candido e Sílvio Tendler. A reunião para a decisão final dos vencedores foi realizada durante todo o dia de sábado, dia 3 de setembro de 2011, no Museu da Imagem e do Som, em Florianópolis. Betse não compareceu na reunião presencial, mas enviou seus pareceres para cada categoria.
No longa houve uma grande discussão, primeiro em torno de três projetos, depois de algumas argumentações, o debate ficou em torno de dois. A escolha de Betse, por escrito, acabou funcionando como Voto de Minerva. Nesta breve entrevista, os jurados ressaltam a qualidade das propostas de vídeo. Segundo o júri, muitos dariam bons curtas e longas. O resultado será divulgado na segunda-feira, às 14h, pelo secretário Cesar Souza Jr.
Na imagem abaixo, Virgínia, Ari, Clélia e Sílvio. Foto de Márcio H. Martins. Vale destacar o empenho dos jurados em escolher os roteiros que poderiam resultar nos melhores filmes. O blogueiro, como integrante da Comissão de Acompanhamento do Edital, agradece aos colegas de trabalho Sandra Ouriques, Mariane Feil, Cristiane Ugolino, Márcio Martins e Ronaldo dos Anjos, pela amizade e respeito nesta primeira etapa do trabalho. Abraço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário